Bifes de peru

Bifes de peru


INGREDIENTES:
Bifes de peru / Igual nº de fatias de queijo e de fiambre / Azeite / Temperos a gosto (Sal, alho em pó, orégãos, pimenta e sumo de limão por exemplo)

CONFECÇÃO:
Temperar os bifes, com antecedência se preferir. (Não é preciso muito sal pois o recheio é salgado por natureza).

Escorrer o tempero e reservar. Com o bife aberto, colocar por cima a fatia de queijo e a fatia de fiambre. Começar a enrolar numa ponta.

Fazer igual com todos os bifes.

Untar um pirex com azeite e acamar bem os bifes no tabuleiro com a abertura para baixo. (Desta forma não é necessário palitos para fechar os bifes)

Regar com um fio de azeite, polvilhar com mais orégãos e sumo de limão se desejar.

Vai ao forno médio por 40 minutos. Nos últimos 10 minutos levantar o calor para corar os bifes.

Recheios alternativos:
Espinafres com queijo fresco batido com ervas aromáticas (mais leve)

Cogumelos e puré de castanhas (mais festivo)

Presunto, tomate e ovo cozido (mais elaborado)

Acompanha com arroz de grelos.



Arroz de grelos


INGREDIENTES:
1 Molho de grelos arranjado / 1 Cenoura ralada / ½ Cebola / 1 dente de alho picados / 1 Caneca de Arroz / 2 Canecas de Água ou caldo / Azeite / Sal q.b.

CONFECÇÃO:

Saltear os grelos com a cenoura, a cebola e o alho num fio de azeite até ter os grelos bem verdinhos.

Juntar o arroz e o sal.

Regar com a água ou caldo a ferver, baixar o lume e deixar o arroz absorver o liquido!

Pode deixar o arroz ‘a correr’ colocando mais líquido.

CURIOSIDADES (opinião) da receita dos bifes de peru

carne de peru tal como a de frango é intitulada como sendo mais saudável, não por não conter a gordura saturada, que está presente em todas as carnes mas porque o seu teor em gordura é mais baixo.

Os temperos são fundamentais para diminuir o teor de sal como é chamado a atenção nesta receita.

Está provado que o sal é um dos principais factores de risco para as doenças cardiovasculares, tais como os AVC.

O azeite é a gordura de eleição para as confecções culinárias porque a sua composição torna-o resistente à deterioração através do aquecimento a altas temperaturas.

Os recheios alternativos permitem ter na mesma receita opções calóricas diferentes. Do menos calórico para o mais calórico temos:

  • Espinafres com queijo fresco batido com ervas aromáticas
  • Cogumelos e puré de castanhas
  • Presunto, tomate e ovo cozido
  • Queijo e fiambre

Embora o recheio do queijo e fiambre seja apresentado como mais calórico não deixa de ser uma opção também a considerar no dia a dia nas pessoas que façam uma alimentação saudável de manutenção de peso.

Como podem ver na receita não existe refogado porque os grelos e a cenoura são colocados ao mesmo tempo que a cebola e o azeite. Este método de confecção culinária permite logo a libertação dos sucos dos vegetais não estando a gordura sujeita a tanta deterioração como se estivesse só a fritar com a cebola.

Ao mesmo tempo conseguimos que os vegetais estejam disfarçados no arroz, o que se torna uma boa alternativa para quem não gosta de comer vegetais, por exemplo para as crianças.

%d bloggers like this: